Latas de aço
Latas de aço
Guia da Reciclagem
Fique por dentro da reciclagem de resíduos

Sobre o material

O aço é um dos materiais mais reciclados do mundo, e por ser totalmente reciclável, pode voltar ao mercado em diferentes formas, desde carros, geladeiras e eletrodomésticos até acessórios variados, como tesouras e maçanetas.

No Brasil, assim como no resto do mundo, o mercado de sucata de aço é bastante sólido, pois as indústrias siderúrgicas precisam da sucata para fazer um novo aço, ou seja, cada usina siderúrgica é uma planta de reciclagem e necessita de aço pós consumo.

Fonte: Abeaço

O incremento da coleta seletiva desse material estimula o aumento da demanda de empregos e equipamentos de separação, como os eletroímãs.

Informações sobre a reciclagem

47,0% do total das latas de aço consumidas no Brasil, em 2012, foram recicladas, incluindo 88% de latas de aço para bebidas (latas de 2 peças). Cerca de 260mil toneladas de latas de aço pós consumo retornaram para o processo de reciclagem no país. Este índice vem aumentando graças à ampliação de programas de coleta seletiva e educação ambiental.

Depois de separadas do lixo, por processo manual, ou através de separadores eletromagnéticos, as latas de aço precisam passar por processo de limpeza em peneiras para a retirada de terra e de outros contaminantes superficiais. Em seguida, são prensadas em fardos para facilitar o transporte nos caminhões até as indústrias recicladoras. Ao chegar na usina de fundição ou siderúrgica a sucata vai para fornos elétricos ou a oxigênio, aquecidos a 1550 graus centígrados, em média. Após atingir o ponto de fusão e chegar ao estado de líquido fumegante, o material é moldado em tarugos e placas metálicas, que serão cortados na forma de chapas de aço. A sucata demora somente um dia para ser reprocessada e transformada novamente em lâminas de aço usadas por vários setores industriais – das montadoras de automóveis às fábricas de latinhas em conserva. O material pode ser reciclado infinitas vezes, sem causar perdas ou prejudicar a qualidade.

Hoje, alguns programas estimulam a reciclagem do aço pós-consumo, dentre eles o RECICLAÇO, programa de reciclagem pós-consumo de latas de aço para bebidas, criado pela Cia Metalic Nordeste. No índice geral de 47,0% incluem-se latas de alimentos como ervilha, milho e sardinha, bebidas, tintas, massa corrida e produtos químicos. Também estão incluídas no índice as tampas de aço pós consumo. Este índice é estimulado, hoje, pelo programa Prolata de reciclagem. O Prolata engloba ações em 3 pilares – cooperativas, centros próprios de reciclagem e pontos de entrega voluntária.

O principal mercado associado à reciclagem de aço é formado pelas aciarias, que derretem a sucata nos altos fornos e transformam-na em novas chapas de aço. O interessante é que o aço para reciclagem não precisa ser totalmente livre de contaminantes, já que o próprio processo é capaz de eliminá-los via escória.

Acesse:

http://www.abeaco.com.br/
https://www.prolata.com.br/

Acontece CEMPRE
Sobre o
CEMPRE

O CEMPRE é uma associação sem fins lucrativos, fundada em 1992, que trabalha para a promoção da reciclagem, da logística reversa e do conceito de responsabilidade compartilhada na gestão dos resíduos sólidos previsto na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), atuando junto à iniciativa privada, ao setor público e à sociedade civil. Ao longo dos seus 28 anos de existência, o CEMPRE desenvolveu diversas publicações de apoio à educação ambiental para reciclagem, manuais para cooperativas de catadores e agentes públicos, e a tradicional Pesquisa Ciclosoft, que representa a maior base de dados sobre coleta seletiva do país.