CEMPRE INFORMA MAIS

Pontos de Entrega Voluntária mais próximos da população

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) está assentada sobre o conceito da responsabilidade compartilhada. O princípio é fazer da coleta seletiva e da reciclagem um compromisso conjunto do governo, da população, das empresas, de organizações não governamentais e associações para que todos entendam - e exerçam - seu papel para assegurar a destinação adequada dos materiais recicláveis.

Esse compromisso passa por tornar a coleta seletiva mais acessível a todos. Se nem sempre ela é realizada no sistema porta a porta, a presença de PEVs (Pontos de Entrega Voluntária) pode fazer a diferença para que as embalagens pós-consumo sejam corretamente encaminhadas à reciclagem, em vez de acabarem ocupando espaços indevidos em aterros sanitários.

É esse o objetivo por trás da criação da Mídia Sustentável - empresa que, desde 2014, atua junto a prefeituras a fim de tornar os PEVs mais presentes nos municípios brasileiros. A empresa obtém as licenças ambientais necessárias e promove a instalação e manutenção dos equipamentos, fomentando a coleta seletiva, através do apoio da iniciativa privada e do poder público, e impulsionando iniciativas locais de reciclagem.

“Atuamos no mercado de mídia out of home, com foco em projetos aderentes aos princípios de sustentabilidade e proteção ao meio ambiente, em linha com a PNRS”, explica Caio de Queiroz (AKC), diretor jurídico da Mídia Sustentável. “Nossos PEVs são produzidos com madeira certificada pelo FSC (Forest Stewardship Council) e atendem às melhores práticas ambientais.”

O trabalho parte da análise das necessidades de cada município e se articula com a prefeitura e seus prestadores de serviço de coleta de lixo e resíduos recicláveis para identificar o melhor formato para cada caso: locais mais apropriados para instalação, veiculação de mensagens, articulação com cooperativas, ONGs e empresas patrocinadoras, entre outros aspectos. “Respeitamos as diferentes realidades e traçamos planos específicos que respondam às características locais”, conta Caio.

Os últimos projetos realizados pela Mídia Sustentável foram executados nas cidades de São Sebastião (SP), Itanhaém (SP) e Porto Seguro, especificamente em Trancoso e região (BA). A empresa já instalou cerca de 3.700 PEVs no litoral e interior no estado de São Paulo, além de cidades como Florianópolis (SC), Paraty (RJ) e Praia do Forte (BA). A chegada do verão reforça a importância desses equipamentos nas cidades litorâneas em função do elevado afluxo de turistas.

Mas o trabalho não limita à instalação dos PEVs. “O programa precisa ter caráter evolutivo, seguindo um cronograma de produção, instalação e manutenção dos mobiliários, educação ambiental e conscientização da comunidade, obtenção de apoio e envolvimento de todos os geradores de resíduos estabelecidos nas regiões de atuação do projeto e fomento contínuo de novas ações”, destaca Caio.

Para saber mais: www.midiasustentavel.eco.br